Calendário de Eventos

Calendário de Testes
Descobre as nossas Parcerias
Torna-te Fã no Facebook
Contactos

T. 21 457 38 49
E-Mail Crescendo

Dias Úteis:
10h-13h; 15h-21h
Sábado: 9h-14h

Siga-nos em:

Facebook

Guitarra Clássica / Ligeira

Guitarra é o nome genérico de uma família de instrumentos musicais de cordas, ou cordofones. As guitarras, bem como a maior parte dos instrumentos de cordas são construídas pelos luthiers.

Em Portugal também se designa popularmente por viola, (no Brasil violão) sobretudo para distinguir do outro instrumento que é a guitarra portuguesa. O nome guitarra refere-se a uma série de instrumentos de cordas pinçadas, que possuem geralmente de 4 a 12 cordas tensionadas ao longo do instrumento e possuem um corpo com formato aproximado de um 8 (embora também existam em diversos outros formatos), além de um braço, por sobre o qual as cordas passam, permitindo ao executante controlar a altura da nota produzida.

Em organologia, costuma-se classificar genericamente como guitarra qualquer instrumento de cordas pinçadas com braço. Isso inclui uma grande variedade de outros instrumentos, como a viola, o cavaquinho, o banjo, o bandolim e muitos instrumentos não ocidentais, como o alaúde, o siamise, o charango, a balalaika, o sitar e a vina (Cítaras persas e indianas), além de diversos outros instrumentos asiáticos e africanos.

Instrumentos similares aos que hoje chamamos de guitarras existem pelo menos há 5 mil anos. A guitarra parece derivar de outros instrumentos existentes anteriormente na Ásia Central. Esta, em forma muito próxima da actual, foi introduzida em Espanha no Século IX, mas não se conhece com precisão toda a história deste instrumento.

É um instrumento muito popular desde sempre, tendo tido uma grande mutação ao longo dos tempos e sobretudo no séc. XX sofreu uma evolução radical, aquando da invenção da guitarra eléctrica. A guitarra é usada na música popular, no rock, no jazz, na música erudita, etc.

Diversas características da guitarra tornam-na propícia ao acompanhamento do canto. Entre elas, a extensção, o volume sonoro, a riqueza harmónica, o baixo custo e o peso reduzido. Isso também a torna o instrumento preferido de alguns intérpretes.

Como é fácil de transportar e tocar (a um nível básico), é comum ver grupos de pessoas reunidas em torno de uma guitarra em festas, bares, praias, ou outros locais ou situações em que as pessoas se agrupam. A execução puramente harmónica para o acompanhamento do canto é facilmente dominada e as revistas com cifras dos sucessos musicais do momento são facilmente encontráveis em qualquer quiosque de jornais. Poucos instrumentos são tão presentes no quotidiano, executados por músicos amadores tanto quanto por profissionais.

Nas Escolas Crescendo ministramos o curso da Guitarra Clássica, num tipo de ensino completamente rigoroso e paralelo ao ensino dos Conservatórios, inclusivamente com possibilidade de preparação para fazer exames e prosseguimento de estudos no Conservatório. A idade mínima propícia para começar será a partir dos 5 anos de idade.

Horários

Segunda 10h-13h / 15h-21h
Terça 10h-13h / 15h-21h
Quarta 10h-13h / 15h-21h
Quinta 10h-13h / 15h-21h
Sexta 10h-13h / 15h-21h
Sábado 9h-13h